Ser imensa? | Seja Imensa
282
post-template-default,single,single-post,postid-282,single-format-standard,qode-news-1.0.4,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive
Seja Imensa Post Fixo

Ser imensa?

 

Certamente você já ouviu por aí que cada um tem seus limites.
Eu prefiro acreditar que todas temos uma imensidão.

Uma parte em essência, aquela espécie de dádiva do princípio de tudo, de onde surgimos e a origem do que vamos nos transformar ao longo da vida: o que muito me inspira! Além dela, várias agregadas a partir das experiências. Digo sobre as pessoas que ficaram, os lugares que percorremos, as escolhas que traçamos no meio de existir: o que muito me encanta.

Entre tudo isso, um tanto de história e espaço transbordando por todos os cantos, que compreendemos como o que nos é proposto a cuidar, preservar, zelar e A-M-A-R. A autoestima nesse sentido, além do que tange ao indivíduo, nos conta sobre nosso relacionamento com o mundo. Aqui estamos para descobrir mais sobre esse olhar sensível capaz de construir uma comunidade livre, empoderada, saudável e como consequência, cheia de beleza em todos os aspectos..

O que me energiza está aqui para te fazer admirar o que há aí dentro.
Vai ser de mim pra você, daí pra cá, de tudo para todas e mais um monte, que tal?

Assim, o mundo cabe dentro da gente.

 

Sem Comentários

Escreva um Comentário