7 palavras que fizeram mais sentido depois do Efeito Orna | Seja Imensa
628
post-template-default,single,single-post,postid-628,single-format-standard,qode-news-1.0.4,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

7 palavras que fizeram mais sentido depois do Efeito Orna

 

Muita coisa mudou desde que decidi ser impactada pelo workshop e curso do Efeito Orna. Acredito que esse processo de mudança de conceitos tem muito a ver com as concepções erradas que construímos quanto a empreender, principalmente quando falamos de mulheres dando vida aos seus próprios negócios. Por isso reuni aqui palavras que além de transformarem minha visão do mundo, também revolucionaram a maneira como me posiciono como empreendedora e criadora de conteúdo, tudo que aprendi com as Irmãs Alcântara.

1. OPORTUNIDADE

É muito comum associarmos e relacionarmos essa palavra como complemento de ‘aproveitar’. Dizem e repetem por aí que quem se deu bem na vida o fez por saber aproveitar das oportunidades que lhe foram entregues. Pois eu tenho aprendido a viver cada vez mais essa palavra com o sentido de criar, muito além de esperar a minha vez. Enxergar oportunidades no que já existe tem o seu valor, mas despertar o que ninguém percebeu ainda e unir os elos a nosso favor é simplesmente incrível e tem tudo a ver com autorresponsabilidade.

2. MINDSET

Mais um conceito que temos cravado muitas vezes desde a infância é que cada um tem seus talentos e não adianta se intrometer nos assuntos em que naturalmente você não demonstra habilidade. Aprender muitas vezes para nós não tem o valor de se desenvolver e o mindset fixo nos transforma em uma caixinha limitada que sempre executa as mesmas tarefas. Mas a verdade é que podemos ser quem quisermos e fazer o que quisermos, tudo depende da nossa vontade e empenho. E sabe o que é isso? Uma mudança de mente que nos faz enxergar que podemos (e devemos!) crescer em qualquer sentido.

3. PROPÓSITO

Qual a sua razão de ser? Essa pergunta pode soar um pouco perturbadora e complexa mas o fato é que isso tem muito a ver com nosso processo de autoconhecimento e reconhecimento do nosso potencial de valor para o mundo. Fazer a diferença nem sempre é sobre comunicar um propósito pautado no ‘o que’ e sim no ‘por quê’. A partir da compreensão de que somos únicos e podemos contribuir com o nosso melhor de alguma forma, as pessoas começam a perceber a nossa razão de ser, seja pessoal seja empreendendo com um negócio que é a nossa cara.

4. COMPETIÇÃO

Não sei vocês, mas eu participei de alguns eventos sobre empreendedorismo durante a faculdade e a pauta sobre concorrência sempre vinha à tona em algum momento. Além da preocupação excessiva com “o que eu posso fazer melhor que o outro”, deixamos de contribuir e enxergar parcerias que possam fortalecer o mercado e até mesmo o propósito dos envolvidos. Colaborar é maior do que competir – já dizem as Irmãs Alcântara! A realidade é que eu percebi o quanto uma competição não diz respeito a qualidade do produto ou serviço e sim sobre alimentar egos, retendo conhecimento e interrompendo parcerias de sucesso.

5. EMPREENDEDORA

Repete comigo: “Eu posso criar o trabalho dos meus sonhos”! SIM! Você pode ser uma empreendedora pequena, média, grande mas sempre IMENSA 🙂 Cultivar um negócio não é impossível, é lançar sementes em novos terrenos, trilhar caminhos que ninguém desbravou ou às vezes é só uma questão de fazer igual fazendo diferente, sabe? Você pode ter o seu próprio jeito de empreender, desde que isso faça sentido para você e para o seu estilo de vida. Não existem regras quando falamos de ter o próprio negócio e essa é a melhor parte.

6. TEMPO

O curso ressiginificou minha noção de “quando”. Desde então o agora faz muito mais parte da maioria dos meus planos mas eu não deixo de pensar no futuro. Não é questão de estar pronta para o que vier mas sim de ir até onde eu me preparo para estar. O Efeito é sobre planejar fazendo e fazer planejando. Como? Só entrando pro Squad pra saber! :p

7. ONLINE

A internet nada mais é do que um espaço feito de pessoas e, como tal, tem sua forma de comunicar. Trabalhar nesse ambiente demanda compreender que somos humanos acima de qualquer evolução da tecnologia. Estar em comunidade faz muito mais sentido, independente da forma como ela é estruturada e assim se torna muito mais perceptível que o online pode ser o espaço ideal para você mover sonhos a partir do seu propósito. De gente para gente, sempre!

Incrível, né? Saiba mais sobre o Efeito Orna clicando aqui! No site você vai ter todas as informações sobre o próximo workshop e lançamento da próxima turma do curso, lembrando que somos parceiros de divulgação e, assim, se inscrevendo no curso com o nosso link você vai receber além de todo o conteúdo preparado pelas Irmãs Alcântara, o nosso E-Book “Qual o APP? 16 aplicativos para produzir mídias mais criativas” + tutoriais em vídeo com sugestões para aplicar as ferramentas.

Vamos crescer juntas?

4 Comentários
  • Camila Neves
    Postado às 10:01h, 07 agosto Responder

    AMEI! Também assisti e aprendi muito com o workshop. Adorei seu blog, vamos ser amigas 🙂 hahaha!

    Beijo!
    Cami.

    http://www.delamila.com

    • Stefany Freu
      Postado às 11:07h, 07 agosto Responder

      É muito transformador, né? Mudou tanta coisa na minha mente!!

      Que fofo o seu site também <3 Vamos ser amigas AGORA!

  • Emanuela Almeida
    Postado às 09:14h, 12 agosto Responder

    É incrível como as mulheres têm um poder IMENSO de empoderar outras mulheres e a maioria não se da conta disso. Conheci as redes sociais das meninas Orna já alguns meses e achei muito interessantes. Fiz o workshop gratuito e pretendo entrar para o Squad. Eu já empreendo há anos, e mesmo assim flui positivamente influenciada pelas meninas. Concordo com todos os pontos do seu texto. 👏🏼

    • Stefany Freu
      Postado às 17:01h, 13 agosto Responder

      SIIIM! E eu acredito demais nesse poder que a gente carrega – todas nós!

      Que massa! O workshop foi enriquecedor para mim mas o curso foi realmente transformador, <3 Você já se matriculou no Squad 3?

Escreva um Comentário